23 DE OUTUBRO DE 1906, VENCE O PRÊMIO ARCHEDEACON PROVANDO A POSSIBILIDADE DO VÔO AUTÔNOMO DO MAIS-PESADO-QUE-O-AR.


Historia


Em 18 de julho de 1906 Santos Dumont se inscreveu para disputar duas provas: a Taça Ernesto Archdeacon para o primeiro vôo controlado de mais de 25 metros de um aparelho mais-pesado-que-o-ar e o Prêmio Aero Club da França para um vôo de mais de 100 metros.

Faz experiências com seu 14bis em 23 de julho, 21 e 22 de agosto, 07 e 13 de setembro de 1906.

Na véspera do dia 23 de outubro de 1906, Santos Dumont informou ao Aero Club da França que iria tentar no dia seguinte empreender o vôo de 25 metros exigido para a taça Archdeacom. As 8 meia lá estava ele e uma multidão.

O dia passou entre montagem, ajustes e tentativas. A Comissão de fiscalização do Aeroclube da França estava a postos. As 16:45 hs (hora da França corre e após uma certa distância sai do chão e percorre 60 metros no ar, vencendo a Taça Archdeacon. Ficou oficialmente provado que o ser humano podia voar com um aparelho mais-pesado-que-o-ar, utilizando os próprios meios.

Um Monumento inaugurado em 12 de novembro de 1910, homenageia Santos Dumont. o Pai da Aviação Mundial Bagatelle - No 23 de outubro de 1956, cinqüentenário do grande feito, o Brasil todo comemorou. No denominado momento Santos Dumont, 14:45 horário de verão, em todo o Brasil os aviões disponíveis estavam no ar, os sinos das igrejas tocaram, as fábricas e as maria-fumaças da época apitaram e as atividades pararam para que o povo admirasse aquela revoada e comemorasse esse grande feito de um brasileiro.

As comemorações da Semana da Asa já tem tradicionalmente extrapolado por todo o mês de outubro. Porque não denominarmos MÊS DA ASA?